março 21

Sala vira quarto, e cozinha vira escritório em apartamento de 23m² em SP.


21 de março de 2014 às 17:54
Categoria: Lar
Publicado por: Thiago Carvalho

Veja apartamento decorado de 23m² em São Paulo.

O CEO da Vitacon, Alexandre Lafer Frankel, monta a cama de casal puxando o quadro localizado acima do sofá Rodrigo Capote/UOL

Quatro meses depois de apresentar o que foi considerado o menor apartamento à venda no país (e vender todas as unidades em uma semana), a construtora Vitacon lança no domingo (23) um novo empreendimento com imóveis de tamanho reduzido.

No VN Gomes de Carvalho, na Vila Olímpia, zona sul de São Paulo, os apartamentos têm a partir de 23m² de área.

A proposta é que o ambiente seja transformado de acordo com a necessidade do morador. Em um modelo decorado que será exposto a partir deste domingo (23) no Espaço Vitacon, na zona sul, a sala vira um quarto quando se puxa uma cama embutida na parede.

A cozinha tem pia e eletrodomésticos embutidos, mas fica escondida sob uma bancada de madeira, que serve também como mesa de trabalho. Uma mesa de jantar de seis lugares pode se transformar numa mesinha de apoio na varanda.

Os preços dos apartamentos partem de R$ 350 mil, o que significa mais de R$ 15 mil por metro quadrado.

Quem quiser que o imóvel seja entregue com os móveis personalizados, planejados pela própria Vitacon, vai gastar pelo menos mais R$ 35 mil. Também é possível comprar o imóvel vazio e contratar outra empresa para fazer a decoração.

De 43m² a 19m² em quatro anos

A Vitacon tem apostado em imóveis pequenos desde que foi criada, há cerca de quatro anos. Segundo o CEO, o primeiro empreendimento tinha apartamentos de 43m² de área. De lá para cá, a metragem foi caindo.

No ano passado, a empresa fez uma parceria com o arquiteto canadense Graham Hill para que ele sugerisse soluções para os apartamentos de 19m² do VN Quatá. Hill também foi o responsável pelo projeto do apartamento decorado de 23m² que ficará em exposição agora.

O canadense é ambientalista e fundador do projeto “LifeEdited” (algo como “vida editada”), que prega um modo de vida mais simples e com menos bens.

Essa é a filosofia de vida que o CEO da Vitacon, Alexandre Lafer Frankel, quer que seus clientes adotem.

“Não é mais o tamanho que dita a compra de um imóvel hoje, mas sim a solução que ele apresenta e o estilo de vida que ele propõe”, afirma. “O conceito de luxo e de morar bem mudou muito, e não tem a ver mais com metragem.”

Ele diz, no entanto, que muita gente reclama do preço dos apartamentos. “Criar algo diferenciado, bem localizado, com uma fachada legal e uma série de serviços tem um custo de produção alto”, afirma.

Compartilhamento de carro e bicicleta

O VN Gomes de Carvalho terá, na garagem, carros e bicicletas disponíveis para os moradores, que vão pagar uma espécie de aluguel pelo uso. O prédio terá, ainda, serviços de concierge (uma espécie de recepcionista que ficará disponível para resolver problemas dos moradores) e arrumadeira.

Lavanderia, piscina e academia estão entre as áreas comuns do condomínio.

Ao lado do prédio residencial, será construído um edifício com salas comerciais. No andar térreo, entre os dois prédios, haverá um restaurante que poderá ser frequentado também por não moradores.

Marcenaria em módulos e peças “de 1ª” fazem decoração “clean” de microapê.

A circulação vertical no AP 1.211 se dá por meio de escada metálica em espiral, preta, em parte instalada dentro de uma caixa de pinus autoclavado. A repetição da linguagem modular, existente na área social, integra os dois pavimentos do apartamento duplex com apenas 36 m² e projetado por Alan Chu Leia mais Djan Chu/ Divulgação

 

Uma casa completa em 26 m²?

Apê em Porto Alegre é bem resolvido e compacto;

O apartamento Lima e Silva, em “L”, possui apenas 26 m² e precisou ser dividido de forma a promover uma circulação inteligente entre os cômodos, garantindo a passagem de luz do dormitório e da cozinha para o living, sem perder a privacidade da área íntima.

Da porta principal de entrada, pela sala de estar, chega-se ao banheiro passando pelo lado da estante, através do dormitório. A cama, por questões de circulação e privacidade, fica encostada à parede.

O projeto de reforma é do arquiteto Vitor Hugo Rebello Junior .

Por : Aiana Freitas Do UOL, em São Paulo

Os comentários são fechados.

Facebook

Twitter

FAENGETV

Todos os Videos